OrigemNews

ÁreaRestrita



Auditorias


NewsLetter

Roubo de cargas cresce 65% em Cotia

23/06/2014

O número de roubo de cargas em Cotia subiu em 65% nos quatro primeiros meses de 2014, em relação ao mesmo período no ano passado.

Foram 28 ocorrências registradas na cidade, contra 17 no mesmo período de 2013. Durante todo o ano passado, 65 casos de roubo de cargas ocorreram nem Cotia. O número chega a ser alarmante, já que durante todo o ano de 2012 apenas sete casos aconteceram.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Segurança, 14 roubos aconteceram na região da Granja Viana e 14 na área entre o Km 30 e 39 da Raposo.

Para reduzir o número das ocorrências, representantes do setor de Transportes defendem mudanças na legislação. Uma delas é o aumento da pena para quem recebe as cargas roubadas. Atualmente, por ser considerado um crime de menor potencial ofensivo, a receptação de cargas roubadas só leva uma pessoa à prisão depois de uma longa investigação criminal, quando se prova que é um crime qualificado.

“Normalmente, o receptador paga fiança e é solto em seguida, pois a legislação permite, desde 2012, que pessoas que cometem crimes com penas de prisão de um a quatro anos respondam ao processo em liberdade. Isso faz com que as polícias sofram muita pressão da sociedade, mas temos que cumprir a lei. Esta lei vai mudar com a atuação do setor junto ao congresso nacional”, destaca o delegado Antônio Carlos Garcia, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos.

O setor ainda defende a aprovação na Assembleia Legislativa de um projeto de lei que prevê a cassação da inscrição estadual de empresas envolvidas na receptação mercadorias roubadas.

Fonte: Cotia TodoDia

 Certificações