OrigemNews

ÁreaRestrita



Auditorias


NewsLetter

Roubos de carga tiveram aumento de 8,4% em 2013 no Estado de SP

05/03/2014

O número de roubos de cargas subiu 8,4% no Estado de São Paulo, segundo dados da Secretaria da Segurança Pública.

Em 2013, foram registradas 7.959 ocorrências desse tipo de crime, contra 7.344 no ano anterior.

Na capital, o número foi de 4.353 em 2012 para 4.581 em 2013, o que representa um aumento de 5,24%.

Em janeiro, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) sancionou uma lei para inibir a receptação.

Agora, lojas que tiverem algum produto proveniente de roubos de carga encontrado em seus estoques ou áreas de venda podem perder a Inscrição Estadual e o registro de ICMS.

Com isso, o proprietário fica impedido de abrir outro comércio do mesmo setor por cinco anos.

MAIOR INCIDÊNCIA

Em Campinas. a 93 km da capital, o número de ocorrências passou de 425 em 2012 para 657 no ano passado. Isso representa um acréscimo de 54,5%.

Em Jundiaí, a 58 km de São Paulo), o aumento foi ainda maior: 120% (de 55 ocorrências em 2012 para 121 em 2013).

Além de concentrarem uma grande produção industrial, essas duas cidades são cercadas por rodovias, o que facilita a fuga.

O delegado titular da Divecar (Divisão de Investigações sobre Furto e Roubo de Veículos e Cargas), Renato Porto, disse que há operações diárias -muitas nos locais de maior incidência de acordo com a Coordenadoria de Análise e Planejamento.

Em 2013, a Divecar prendeu 731 pessoas e recuperou 1.096 veículos.

Fonte: Jornal Floripa

 Certificações