OrigemNews

ÁreaRestrita



Auditorias


NewsLetter

PM frustra roubo de carga de celulares Motorola

17/12/2013

A Polícia Militar Rodoviária frustou um roubo de carga de celulares da Motorola na manhã desta terça-feira (17), na rodovia dos Bandeirantes, na região de Campinas. Pelo menos 10 homens armados participaram da ação.

De acordo com informações da Polícia, um caminhão baú e um carro que fazia a escolta da carga foram abordados em trecho da Rodovia Adalberto Panzan, onde seguiam para Jundiaí. Os homens estavam divididos em um Vectra e um Azera.

O motorista foi obrigado a dirigir até a rodovia dos Bandeirantes e parar na altura do km 96 da pista sentido Interior, atrás de um monumento com o nome da rodovia.

No momento em que a quadrilha fazia o transbordo da carga para uma van, a Polícia Rodoviária recebeu a informação de homens armados no local. Quando os policiais chegaram houve troca de tiros e os bandidos fugiram sem levar nada. Duas viaturas da polícia foram alvejadas.

O helicóptero Águia da Polícia Militar foi acionado para auxiliar nas buscas, mas ninguém foi preso.

Mais dois

Um motorista de 47 anos, que dirigia m caminhão carregado com doces, foi rendido no pátio de um posto de gasolina, na região de Nova Odessa, na rodovia Anhanguera.

O motorista estava na altura do km 96, na pista sentido Sul e teria parado no local para tomar um café, por volta das 20h30 e foi rendido por dois homens armados no momento em que voltava para o caminhão.

Os bandidos obrigaram o motorista a seguir até o km 90, onde realizaram o transbordo da carga e fugiram.

O motorista acionou a Polícia Militar e informou que a carga, avaliada em R$ 80 mil, seria levada para o Rio de Janeiro.

No Anel Viário Magalhães Teixeira, um caminhão da empresa Fedex também teve a carga roubada nesta madrugada.

O motorista estava próximo ao Parque Jambeiro, quando foi abordado por homens armados em um Astra.

O motorista foi obrigado a dirigir até o Parque Saltinho, em Campinas, onde os bandidos transbordaram a carga para outro carro e fugiram.

O motorista informou para os policiais que o caminhão tinha sido carregado no Aeroporto Internacional de Viracopos e que um dos bandidos estava usando coletes à prova de balas.

A carga também seria levada para o Rio de Janeiro e até o momento ninguém foi preso.
 

Fonte: correio

 Certificações